COLETIVOS URBANOS E A TRANSFORMAÇÃO DO ESPAÇO PÚBLICO O caso da Praça Cultural Francisco das Chagas Junior em Teresina-PI [URBAN COLLECTIVES AND THE TRANSFORMATION OF PUBLIC SPACE The case of Francisco das Chagas Junior Cultural Square in Teresina-PI]

Lucas Cézar Santana Ferreira, Gabriela de Souza Tenório

Resumen


Este artigo analisa como que coletivos urbanos podem inspirar o governo e terem suas reivindicações acatadas, provocando a transformação dos espaços públicos. Investigou-se até que ponto o esforço governamental em investir nas transformações dos lugares podem os tornar bem-sucedidos. Através de uma metodologia de avaliação dos espaços públicos, em que são apontados os elementos e atributos que contribuem para a apropriação do lugar, estudou-se o caso da Praça Cultural Francisco das Chagas Junior, em Teresina-PI. Lugar obsoleto embaixo da Ponte JK, fora ocupado por eventos do Coletivo Salve Rainha até receber uma intervenção urbana numa parceria entre município e estado. Constatou-se que o novo ambiente se consagra apenas como local de eventos programados, não possuindo uma vitalidade cotidiana. Apesar da boa intenção governamental em promover melhores espaços públicos para a cidade, o projeto avaliado careceu de uma maior compreensão do contexto local e global para que sua transformação tivesse apropriação fomentada.

Palavras-chave: espaço público, coletivos urbanos, intervenção urbana, Teresina-PI.

Linha de investigação: 3:   Dinâmicas Urbanas.

Tópico: Urbanismo insurgente e coletivos urbanos.

 

ABSTRACT

This paper discusses how urban collectives can inspire the government and have their demands accepted, achieving the transformation of public spaces. It was investigated to what extent the government's effort investing in urban intervention can bring success to places. Under an methodological approach, which it points out attributes and elements that contribute to the daily appropriation of the place, the case of Francisco das Chagas Junior’s Cultural Square, in Teresina-PI, was analysed. From an obsolete place under the JK Bridge, the place received an intervention in a partnership between the municipality and the state, after it had been occupied by events of the urban collective Salve Rainha. The research showed that the new environment is only used as a place for scheduled events, not having a daily vitality. Despite the government's good intention to promote better public spaces, the evaluated project lacked greater understanding of local and global context in order for the appropriation to be encouraged.

Keywords: public space, urban collectives, urban intervention, Teresina-PI.

Thematic clusters: 3: Urban Dynamics. Topic: Insurgent urban planning and urban collectives.




DOI: http://dx.doi.org/10.5821/siiu.10096