A CIDADE ENTRE O GLOBAL E O LOCAL: Ação comunitária em prol da construção do lugar [THE CITY BETWEEN THE GLOBAL AND THE INDIVIDUAL: Community action in favor of building the place]

Aline Lourenço Campanha, Eneida de Almeida

Resumen


Propõe-se aqui uma investigação sobre ações colaborativas e práticas culturais cultivadas no cotidiano compartilhado de parcelas da população de bairros periféricos, apoiadas em vínculos sociais e de pertencimento, tendo como referências teóricas a noção de “território” de Milton Santos (2006), que sinaliza a urgência de aprofundar conexões com as forças sociais do lugar, em interação à proposição de “construção do espaço” de Henri Lefebvre (2006), apoiada na distinção entre o espaço social e o espaço mental, ambas aproximadas à contribuição de Ulpiano T. Bezerra de Meneses (2017), que associa o valor cultural do ambiente urbano à qualidade dos processos de socialização. Por fim, volta-se ao contexto de luta pela cultura narrado por alguns articuladores do Movimento Cultural de Ermelino Matarazzo, em São Paulo, a fim de compreender as motivações, práticas e disputas advindas das reivindicações da Casa de Cultura Mateus Santos, em interação com a ocupação dos espaços públicos.

Palavras-chave: cidade, coletivos, identidade, cidadania.

Linha de Investigação: 3. Dinâmicas urbanas. Tópico: Urbanismo insurgente e coletivos urbanos

 

ABSTRACT

It is proposed here an investigation about collaborative actions and cultural practices cultivated in the shared daily life of portions of the population of peripheral neighborhoods, supported by social and belonging bonds, having as theoretical references the concept of territory by Milton Santos (2006), in interaction Henri Lefebvre's (2006) “space construction” proposition, supported by the distinction between social space and mental space, both approaching the contribution Ulpiano T. Bezerra de Meneses (2017), who associates the cultural value of the urban environment to the quality of the processes socialization, resulting from the interaction between people, spaces and representation practices. Finally, we return to the context of struggle for culture narrated by some articulators of the Cultural Movement of Ermelino Matarazzo, in São Paulo, in order to understand the motivations, practices and disputes arising from the demands of the Casa de Cultura Mateus Santos, in interaction with the occupation of public spaces.

Keywords: city, collectives, identity, citizenship.

Thematic clusters: 3. Urban dynamics.

Topic: Insurgent urbanism and urban collectives




DOI: http://dx.doi.org/10.5821/siiu.10223