A dimensão urbanística de grandes projetos urbanos: análise da Operação Urbana Consorciada Linha Verde, Curitiba, Brasil

Letícia Nerone Gadens

Resumen


A pesquisa apoia-se na discussão de grandes projetos urbanos (GPUs)e de operações urbanas consorciadas (OUCs), instrumento frequentemente utilizado para viabilização de GPUsno cenário brasileiro. Esta pesquisa tem por objetivo verificar as consequências morfológicas da implementação do GPU Linha Verde, que consiste na reconversão funcional da antiga rodovia BR 166 em nova via urbana. Esta abordagem justifica-se tendo em vista que há poucas avaliações dos resultados obtidos a partir da dimensão urbanística de GPUs. Os procedimentos metodológicos consistem em pesquisa bibliográfica e interpretação documental, de modo a verificar determinados elementos constituintes da forma urbana, associados a padrões de maior sustentabilidade socioambiental e, portanto, maior eficácia na gestão do solo. Os resultados evidenciam um processo de transformação ainda incipiente e denotam a necessidade de aprofundamento na compreensão da dimensão morfológica do projeto. Além disso, indicam que a utilização do GPU,como catalizador para alterar as realidades preexistentes,ainda permanece débil.



DOI: http://dx.doi.org/10.5821/siiu.9110