Territórios de exceção: redes de infraestrutura na cidade de São Paulo

Katia Bomfim Pestana

Resumen


O setor de infraestrutura de serviços no Brasil e, especificamente na cidade de São Paulo, tem sua história marcada pela ocupação de territórios de exceção no tecido urbano da cidade. As redes de serviços encontram grande capilaridade na malha urbana onde estão inseridas e hoje, com o brutal crescimento da mancha urbana, suas faixas funcionais atravessam bairros densamente povoados deixando vazios significativos, principalmente quando comparados às escassas áreas livres existentes nesses locais.A instalação dessas redes, levando-se em conta somente seus aspectos funcionais e de segurança, gera uma sequência de espaços residuais que muitas vezes acabam por aumentar os riscos, já que não estão inseridas no contexto urbano onde estão instaladas. A faixa non aedificandi de um oleoduto e uma linha de alta tensão é tratada de maneira exemplar, como uma das diversas redes de infraestrutura instaladas na malha urbana da cidade de São Paulo.



DOI: http://dx.doi.org/10.5821/siiu.9081