Intervenções táticas cicloviáriasa: utilização da bicicleta como modal de transporte na cidade de João Pessoa

Mirna Sousa Linhares

Resumen


No Brasil, um dos principais elementos a influenciar a estrutura das cidades é o modelo de mobilidade centrado no transporte motorizado individual. Como forma de embate aos paradigmas urbanos contemporâneos, práticas urbanas criativas que chegam a partir de iniciativas populares (bottom-up) para abordar problemas do cotidiano são uma crescente tendência mundial, e tem grande potencial de transformação dos espaços públicos. O trabalho teve como objetivo principal propor o uso do urbanismo tático como ferramenta participativa no planejamento cicloviário. A concepção da metodologia teve como princípio a análise do Plano Cicloviário de João Pessoa através de um processo metodológico colaborativo, o qual deu suporte para escolha e aplicação das intervenções. A pesquisa revelou que a inserção do urbanismo tático como ferramenta formal no planejamento urbano pode fomentar um novo olhar sobre as estratégias de planejamento e, consequentemente, impulsionar um processo verdadeiramente participativo na produção do espaço urbano.



DOI: http://dx.doi.org/10.5821/siiu.9092